Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas. Clique na imagem acima.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Ministro das Relações exteriores da Rússia EM FOCO

Comentário de The Saker, The Vineyard of the Saker, 7/2/2015:
Devo dizer que, pessoalmente, não me lembro de ter assistido a qualquer coisa semelhante ao que aconteceu hoje em Munique. Nunca antes, das incontáveis vezes que ouvi discursos de Lavrov, senti na voz do ministro russo o que senti hoje. Claro que Lavrov manteve-se calmo, perfeitamente composto e irrepreensivelmente polido. Mas, dessa vez, senti na voz dele um tal sentimento de desgosto e de repugnância pela plateia à qual falava como nunca senti antes. Repugnância pelos atores, os ditos “líderes” e “parceiros”, e pelo que fizeram ao longo de toda uma década. De fato, o que Lavrov disse a eles foi: “Putin já explicou tudo, em detalhes, em 2007. Vocês não ouviram uma palavra do que ele lhes disse. E agora? Estão contentes com o resultado?
Na sequência, quando vieram as perguntas e respostas dos jornalistas, a coisa só piorou

Seguem o artigo e a entrevista completos e imperdível de Serguey Lavrov.
.
http://redecastorphoto.blogspot.com/2015/02/sergey-lavrov-ministro-de-relacoes.html?spref=fb
.

Marcos Rebello Para quem desconhece o discurso de Putin referido por Serguey Lavrov, aqui está na íntegra traduzido em inglês. Uma abertura de temas de tirar o chapéu pela franqueza e alto nivel. E depois, mostrando que conhece bem a realidade, um verdadeiro petardo na horizontal em cheio no alvo. Deve ser postado aqui para referência porque é um marco histórico. Tanto que foi mencionado por Lavrov na sua apresentção. Imperdível é a parte quando Putin se refere às armas atômicas dos EUA, para que não as manteha debaixo do travesseiro ou das cobertas para uma eventualidade porque a Russia está séria em um acôrdo para a diminuição do arsenal e aderir ao Tratado de Não Proliferação. Putin então olha diretamente para McCain e Robert Gates, e este dá uma piscada marôta a McCain como quem diz ... "não lhe dê ouvidos. Ele não sabe jogar este jôgo". Ridícula esta postura porque mostra a pequenez de uma Foreign Policy pra lá de ultrapassada, de gente sem escrúpulos. Como se arsenais de armas atômicas fossem um jôgo qualquer para ser usado por conveniência no tratamento aberto de segurança global e questões de desenvolvimento em pleno seculo 21.
.
https://www.youtube.com/watch?v=wH0eHekt84g



.
Putin's speech on 10 February 2007 at 43rd Munich Security Conference.exposes the NWO
youtube.com


 
.



 




 
 
Curtir ·  · 











Marcos Rebello Para quem desconhece o discurso de Putin referido no artigo, aqui está na íntegra traduzido em inglês. Uma abertura de temas de tirar o chapéu pela franqueza e alto nivel. E depois, mostrando que conhece bem a realidade, um verdadeiro petardo na horizontal em cheio no alvo. Merce ser postado aqui para referência e porque é um marco histórico. Tanto que foi mencionado por Lavrov na sua apresentção. Imperdível é a parte quando Putin se refere às armas atômicas dos EUA, para que não as manteha debaixo do travesseiro ou das cobertas para uma eventualidade porque a Russia está séria em um acôrdo para a diminuição do arsenal e aderir ao Tratado de Não Proliferação. Putin então olha diretamente para McCain e Robert Gates, e este dá uma piscada marôta a McCain como quem diz ... "não lhe dê ouvidos. Ele não sabe jogar este jôgo". Como se arsenais de armas atômicas fossem um jôgo qualquer para ser usado por conveniência no tratamento aberto de segurança global e questões de desenvolvimento em pleno seculo 21.
.
https://www.youtube.com/watch?v=wH0eHekt84g


Putin's speech on 10 February 2007 at 43rd Munich Security Conference.exposes the NWO
youtube.com

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário