Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Taí o desespero da mídia! Começa a jorrar diesel da Abreu e Lima

Tá explicado o desespero dos inimigos da Petrobrás.


abreu-e-lima-Guga-Matos-JC
Por Miguel do Rosário, em 17 de dezembro de 2014



A Abreu e Lima, uma das maiores refinarias de petróleo do mundo, construída com tecnologia brasileira, entrou em operação e realiza agora a sua primeira venda de diesel.
Como o petróleo barato aumenta o lucro da refinaria, a Petrobrás compensará o baixo preço do óleo bruto com uma margem de lucro maior.
A Petrobrás ganha com petróleo barato ou caro, porque é forte nos dois lados do balcão, na compra e na venda de petróleo.
Só uma consultoria grátis para a Petrobrás, mais uma entre milhares deste blog: divulgue os comunicados em áudio para cegos, façam um aplicativo para smartphone com informações sobre a Petrobrás, etc. Façam vários vídeos da Abreu e Lima, com passeios virtuais pela refinaria. Façam um aplicativo exclusivo para a Abreu e Lima, com informações sobre tudo.
Tenham mais carinho pela comunicação, por favor. Ela é a alma de todo negócio, inclusive petróleo!
E sobretudo de um negócio como a Petrobrás, uma empresa que está no coração da luta política.
*
Abaixo o texto divulgado hoje pela assessoria da estatal.
Presidente da Petrobras anuncia primeira venda de diesel da Refinaria Abreu e Lima
Graça Foster e diretoria receberam jornalistas na sede da empresa, onde foram apresentados resultados alcançados nos nove primeiros meses de 2014
A presidente da Petrobras, Maria das Graças Silva Foster, anunciou hoje (17/12), durante café da manhã de confraternização de final de ano com jornalistas, na sede da empresa, que a companhia fez a primeira venda comercial de diesel da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), localizada em Pernambuco. Dessa forma, detalhou, a Petrobras recebeu a primeira receita obtida com a unidade. “É uma grande satisfação”, avaliou a presidente. O diretor de Abastecimento, José Carlos Cosenza, ressaltou ainda que, com a operação da RNEST, a importação de derivados, principalmente de diesel e de gasolina, deverá ser reduzida em 100 mil barris por dia. O volume disponibilizado pela RNEST para o mercado local é de 13 mil m³ de diesel S-500 (teor de enxofre de 500 partes por milhão). A primeira nota fiscal foi emitida para a Petrobras Distribuidora, com volume de aproximadamente 1.600 m³.
Durante o encontro, a presidente Graça Foster também destacou os bons resultados alcançados com o Programa de Otimização de Custos Operacionais (Procop), que deverá proporcionar uma economia de R$ 10 bilhões à empresa este ano. O gerente executivo de Desempenho da Petrobras, Mário Jorge da Silva, informou que a redução de custos com o Procop entre janeiro e setembro já chegou a R$ 7,4 bilhões, ultrapassando a meta de R$ 7,3 bilhões estabelecida para todo o ano de 2014. No comparativo com o mesmo período de 2013, quando o Procop resultou em economia de R$ 4,8 bilhões, a redução de custos foi 54% maior. “Esse número já supera a meta do ano. As equipes e os equipamentos têm respondido melhor do que o previsto”, destacou Mário Jorge.
O Programa de Aumento da Eficiência Operacional (Proef) também alcançou excelentes resultados no período entre janeiro e setembro de 2014. Criado para recuperar os índices de produtividade em campos maduros da companhia, o Proef permitiu a recuperação de 135 mil barris de petróleo por dia. Um aumento de 156% em relação ao mesmo período de 2013, quando a recuperação foi 53 mil barris por dia. Em setembro, destacou o executivo, a UO-BC (unidade operacional da Bacia de Campos) alcançou a maior produção dos últimos 20 meses (420 mil barris por dia) e a maior eficiência dos últimos 50 meses (82%).
A receita de vendas no período de janeiro a setembro de 2014 foi outro destaque, totalizando R$ 252,2 bilhões. O valor representa um crescimento de 13% em relação ao mesmo período de 2013, quando a receita de vendas foi de R$ 223,9 bilhões. A receita de vendas do terceiro trimestre de 2014 foi de R$ 88,4 bilhões, montante 7% maior que o registrado no trimestre anterior (R$ 82,3 bilhões).
Os recursos gerados pelas atividades operacionais da companhia superaram os investimentos no terceiro trimestre de 2014, o que resultou em um fluxo de caixa líquido positivo de R$ 4,2 bilhões. A produção de petróleo operada pela Petrobras registrou crescimento de 6,7% entre janeiro e setembro de 2014, chegando a 2,096 milhões de barris por dia, no comparativo com o mesmo período de 2013. Somente no terceiro trimestre de 2014 a produção atingiu a marca de 2,207 milhões de barris por dia, 6,5% a mais do que os 2,072 milhões de barris produzidos diariamente no segundo trimestre.
Novo diretor de Governança, Risco e Conformidade deverá ser escolhido até janeiro
A presidente destacou que a companhia prevê divulgar o balanço do terceiro trimestre até o fim de janeiro e informou que em 30 dias já deverá contar com uma lista de três nomes de executivos para que o Conselho de Administração (CA) da Petrobras escolha o novo diretor de Governança, Risco e Conformidade. Ela informou que a Petrobras assinou contrato com uma empresa internacional especializada em recrutamento de altos executivos e que, em um mês, a contratada deverá apresentar a lista tríplice à companhia. O novo diretor, que deverá iniciar os trabalhos logo após a decisão do CA, terá como missão assegurar a conformidade processual e mitigar riscos nas atividades da companhia, dentre eles, os de fraude e corrupção.
Por fim, a presidente destacou a forma integrada de atuação da atual diretoria e afirmou que a Petrobras está se tornado uma empresa melhor, com melhores práticas de governança. “Eu acredito e meus colegas diretores acreditam no projeto Petrobras que nós tocamos, que nós conduzimos, do jeito que nós fazemos. E é por isso que nós estamos sentados aqui, juntos”, afirmou.
- See more at: http://www.ocafezinho.com/2014/12/17/tai-o-desespero-da-midia-comeca-a-jorrar-diesel-da-abreu-e-lima/#sthash.Rxc0IP4Z.dpuf

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Imágenes de la llegada a Cuba de los 3 héroes









Imagens do século. 

A luta pela vida vale a pena. 

Persistir, resistir, lutar.

 Até a vitória final. 

Valeu Telesur




DILMA Diplomada.

http://blog.planalto.gov.br/brasil-buscara-fortalecer-financiamento-a-infraestrutura-no-mercosul-afirma-dilma/trackback/

Comité Internacional por la Libertad de los 5 Cubanos ¡VOLVIERON!



Desde todo el mundo llegan mensajes de alegría y felicitación: Gerardo, Ramón y Antonio fueron liberados hoy, se encuentran en su amada Patria junto a sus familias y su pueblo y se unen a René y Fernando en el abrazo esperado durante tantos años de injusta cárcel.


Hoy tenemos más presente que nunca lo que dijo Fidel en junio de 2001:.."Los c
Cinco son un quinteto de gigantes...solo les digo una cosa: Volverán!" 


Este triunfo de la verdad ha sido fruto de la heroica resistencia de cada uno de ellos, del pueblo y gobierno cubano y de la solidaridad internacional.


No solo finalizan 16 años de injusta cárcel sino que se abre la posibilidad real de iniciar una nueva era en las relaciones de EE.UU y Cuba.


A ellos ha contribuido la mediación del Papa Francisco y la buena voluntad de ambos gobiernos para arribar a una solución.

En ese sentido se unieron hombres y mujeres destacados de todo el mundo, 9 Premios Nobel, el Presidente de El Salvador, Salvador Sánchez Cerén junto a parlamentarios, religiosos, artistas, juristas e intelectuales de todo el mundo que solicitaron en carta a Obama que los Cinco pudieran estar junto a su familia esta Navidad. 


Las adhesiones a la carta fue un proyecto iniciado por la Coordinación Europea de la Campaña por la Libertad de los Cinco, el Comité Internacional por los 5 Cubanos en el Mundo Árabe y el Comité Internacional por la libertad de los 5 Cubanos.  (haga clic para leer la carta y ver las adhesiones

Gracias a la voluntad política de ambos gobiernos esta es la primera ocasión en 16 años de largo batallar que no hubo necesidad de enviarla.

La misiva formará parte del testimonio de la hermosa solidaridad internacional hacia los Cinco y la Revolución cubana.


Abrazamos a todos los comités y amigos de los Cinco que en hermosa unidad de acción lucharon sin descanso todos estos años.


Nuevos desafíos requerirán el esfuerzo de todos, entre ellos el fin del bloqueo genocida contra Cuba.


Este día luminoso nos hermana aún más para continuar el camino en la búsqueda de la dignidad, la justicia, la libertad de ese mundo mejor que tanto necesita la Humanidad.


Los abrazamos llenos de alegría y amor en este día histórico,


Comité Internacional por la Libertad de los Cinco

Adiós Coppélia, Viva o McDonald’s! Um drama cubano depois do fim do embargo econômico

https://br.noticias.yahoo.com/blogs/laura-capriglione/adios-coppelia-viva-o-macdonalds-um-drama-233742078.html

Encaminhado por Aparecido Araujo

ais de meio século depois de decretado, o embargo econômico dos Estados Unidos a Cubaestá com os dias contados. Pela primeira vez, depois de décadas, concessões de ambos os lados permitiram o restabelecimento de relações diplomáticas entre os dois países, separados entre si por meros 100 km de mar.
Agora, cabe ao Congresso americano decidir se o bloqueio econômico, comercial e financeiroimposto à ilha pelos Estados Unidos em 7 de fevereiro de 1962 será levantado totalmente ou apenas amenizado. Mas ninguém põe nem uma ficha sequer na manutenção do embargo tal como ele existe. Mesmo a hiper-anticastrista comunidade cubana exilada na Flórida já acha que a medida mais atrapalha do que ajuda.
É claro que a direita brasileira hidrófoba, démodée como ela só, aferrada aos velhos dogmas daGuerra Fria (enquanto defende o direito de malucos Bolsonaros ofenderem a dignidade das mulheres), só é capaz de ver no ato histórico a suposta rendição do Império Americano às idiossincrasias de uma ilha insignificante.
Não duvide se, em um dos atos contra Dilma, pela intervenção militar, aparecer uma turma pedindo o impeachment de Barack Obama. Por achar que Obama afrouxou o garrote em torno da ilha… Que ele mesmo é um frouxo… Oi?
Até já invocaram a blogueira anticomunista Yoanni Sánchez para protestar contra o fim anunciado do embargo. Para quem não se lembra, a viajada Yoanni Sánchez é aquela que, morando em Cuba, sempre denuncia o suposto totalitarismo cubano em suas idas e vindas internacionais.
A vida de Yoanni é tão “difícil” que, na volta à ilha, ela mora em um espaçoso apartamento estatal, onde dá entrevistas contra o governo. E ninguém mexe com ela, como eu mesma testemunhei… Pois bem, a sempre alerta Yoanni saiu a campo antes mesmo do anúncio oficial do restabelecimento das relações diplomáticas EUA-Cuba, lamentando o que chamou de “vitória do castrismo”: “O castrismo venceu (…). No jogo da política, os totalitarismos sempre conseguem se impor sobre as democracias”, escreveu a blogueira dissidente no site “14 y medio”.
Sabe de nada, inocente!
É o velho mercado que venceu. O parque temático socialista (por acaso, vizinho da Flórida e da Disney) terá de passar por reformas drásticas. Talvez feche, provando mais uma vez que não é possível construir o socialismo num só parque temático.
Portanto, prepare-se já para zarpar, se quiser conhecer a Cuba que embalou os sonhos de boa parte da esquerda mundial. A aldeia irredutível que resistiu ao império todo poderoso mostra-se cansada da vida em isolamento. Os guerreiros envelheceram e o idílio utópico parece estar com os dias contados.
Prepare-se para o adeus provável aos imponentes e muito bem preservados Impalas e BelAirs bicolores dos anos 50 (motorizados com restos dos velhos automóveis Lada).
Serão substituídos por modernos carros que aguentam no máximo três anos sem problemas — obsolescência programada, afinal a roda da fortuna tem de girar.
Talvez nunca mais surja um país esquisito assim, que tem mais médico, poeta, músico, ator e físico nuclear do que agricultor, feirante ou excluído. Em que a saúde pública e gratuita é um direito de verdade. Que obteve os melhores resultados escolares em Linguagem, Matemática e Ciências Naturais nas provas organizadas em nível latino-americano pela Unesco.
Isso será corrigido com urgência.
Também deve ter fim aquela cantoria desnecessária de um povo que insiste em agir como se todos fossem sócios do Buena Vista Social Club.
Haverá iPhones e iPods para todos. E videogames, para liquidar essa mania extemporânea que os meninos cubanos tem pelos campeonatos de xadrez nas praças do país…
E o que dizer daquele programinha antiquado de todas as tardes em Havana? Aquele, que leva centenas a fazer filas para tomar um helado na Sorveteria Coppélia (nome de um balé clássico), pernas de bailarina gordinha à guisa de logotipo, que fica em um prédio de corte modernista com lindos vitrais coloridos.
A Coppélia provavelmente será comprada pelo McDonald’s.
Estará decretada a morte da TuCola, a “Tua Cola”, contrafação de Coca ou Pepsi. Confesso que achei a TuCola uma delícia,
Mas, agora, a tendência é a vitória das originais!
Cuba é desses lugares de sonho. Fascinou o menino Federico “verde que te quiero verde” García Lorca (1898-1936), que colecionava as tampas das caixas de charutos cubanos que chegavam a Granada, onde nasceu. As litogravuras coloridíssimas, carregadas de palmeiras, plantações, céus pintados de turquesa e medalhas de ouro faziam-no sonhar com uma Cuba distante e onírica.
Além disso, havia as famosas “habaneras”, o primeiro ritmo autenticamente cubano a ser exportado para a Europa (lembre-se da ópera Carmen, de Bizet) e que o garoto Lorca escutava nas vozes de uma tia e uma prima.
Cuba era a ilha do sol ardente, da sensualidade e do ritmo.
A essa iconografia, somou-se a do “realismo socialista”, revolução, Fidel, Ernest Hemingway e Che, com suas legiões de fãs espalhados pelo mundo todo.
Quais serão os próximos sonhos que a ilha irá embalar? É o povo cubano quem dirá. Se não virar Miami, a humanidade já estará no lucro.

Pronunciamento de Wolf Blitzer na CNn - USA - Ponderações resumidas por Marcos Rebello

Assisti ao Wolf Blitzer na CNN hoje ás 18 h. Este foi o resumo que fiz:

Pontos principais ressaltados pelo que foi envolvido nas negociações:
- Restabelecimento das relações diplomáticas e abertura de embaixadas
- Afrouxamento das restrições às viagens
- Estabelecimento de bancos e uso de cartões de crédito
- Exportação e importação
- Permissão por viajante de US$100,00 em bebidas e charutos cubanos
- Cuba aceita soltar 53 prisioneiros políticos de uma lista providenciada pelos EUA.
- Visita aos prisioneiros políticos por representantes de membros das Nações Unidas e Cruz Vermelha Internacional.
- Cuba permitirá o acesso do povo à internet.

Atenção:
A normalização das relações não é uma “retribuição” à Cuba por qualquer coisa, mas o reconhecimento de que os mais de 50 anos de embargo não funcionaram. E se os EUA quiserem mais mudanças em Cuba deverão engajar não só o povo mas o governo de Cuba em futuras negociações.

As consultas entre os EUA e Cuba tiveram início há 18 meses , em junho de 2013 pelo conselheiro da Segurança Nacional Ben Rhodes na maior parte das vezes no Canadá. Mas no inicio deste ano Alan Gross foi preso em Cuba o que resultou na intermediação do Vaticano e em outubro representantes dos dois países foram convidados a irem ao Vaticano para negociações. Ontem por telefone o Presidente Obama conversou com Alan Gross, já no avião, para confirmar seu retorno como resultado da troca de prisioneiros. Foram 3 cubanos, dos famosos 5 (um já havia retornado antes) pelo espião norte americano, cujo nome não foi revelado, e Alan Gross.

Fidel Castro não estava envolvido nas conversações.

os interesses capitalistas e economicos  dos USA :
Na entrevista, o Chairman da Comissão das Relações Exteriores do Congresso, Ed Royce, disse que uma parte politica importante das negociações é a questão do pagamento direto aos trabalhadores cubanos quando firmas estrangeiras forem estabelecer negócios em Cuba em vez de 95% do dinheiro ir para o fundo do governo. Disse que isso deverá apoderar o povo trabalhador por serem pagos diretamente.

Segundo Royce, na China durante a era Nixon foi a mesma coisa e o ponto principal não foram a demandas, mas o estabelecimento do diálogo.

Adianta que o governo de Cuba está contra a parede porque a Venezuela e não está mais podendo ajuda-la pelo rebaixamento do preço do petróleo. Ainda segundo Ed Royce, esta é a hora de negociar duro com Cuba.

O espião anonimo norte-americano ficou 20 anos na prisão.

Ontem houve uma conversa de 45 minutos entre Raul Castro e Barack Obama. Sobre isso Obama disse apenas que "Os Castro estão com mais de 80 anos e há uma nova geração de cubanos."

O Conselheiro Senior do Vaticano para assuntos de comunicação, Greg Burke, disse ontem que a melhor coisa que pode haver é os dois lados estarem conversando em vez de não conversarem. Entretanto Ed Royce assinala enfaticamente que o principal é trazer "foreign exchange" para Cuba. Sobre a continuidade do diálogo, ele disse "nós podemos endossar o diálogo sem endossar o resto do acordo".

O Presidente Obama diz que quer "full diplomatic relations" com Cuba, e isso sinaliza para o State Department que, pelo fato da Casa Branca ter estabelecido e completado o principal que é o restabelecimento das relações, eles devem finalizar o que foi iniciado. Obama quer embaixadas com embaixadores nos dois países e não apenas representantes, ao que Ed Royce arremata dizendo que isto será um ponto importante no Departamento de Estado a ser considerado envolvendo o Departamento de Segurança Nacional, o que representa uma nova camada de complexidade no processo. O que nós queremos é a força trabalhadora em Cuba no poder. O problema é que o dinheiro do país está em uma conta controlada por uma família, assim como na Coréia do Norte. Isto, Royce enfatiza, de alguma maneira tem a ver com o número de novos prisioneiros políticos detidos que, só este ano, é de 60 000. Nestas negociações são 53 soltos, e o que sobre o resto? Segundo Ed Royce Obama hoje não negociou duro o suficiente.

Ocorre que as negociações no Canadá foram coordenadas pelo Deputy National Security Advisor Ben Rhodes que deve ter consultado com o Secretário Kerry. Entretanto tudo foi feito pela Casa Branca e não pelo Departamento de Estado e esta é uma questão relevante.

Haverá um Summit of the Americas no Panamá em março onde estarão Raul Castro e Obama que deverão estabelecer mais negociações diretas entre líderes.

Marcos Rebello - Analista financeiro e consultor internacional - Membro comunidade Rio Branco ( Diplomatas Brasileiros)- California-USA

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Massacre no Paquistão: “partes dos corpos voavam pelo ar”



17 de dezembro de 2014 • 10h11 • atualizado às 10h38

Massacre no Paquistão: “partes dos corpos voavam pelo ar”

Veja o que sobreviventes disseram sobre o massacre em escola no 

Paquistão que deixou 141 mortos




As  primeiras imagens da chacina realizada em uma escola militar no Paquistão 
nessa terça-feira foram divulgadas. Pelo menos 132 crianças foram mortas, 
além de nove professores. Segundo publicou o Daily Mail, a diretora do colégio 
teria sido queimada viva em frente a alunos por ser casada com um militar aposentado.
O massacre na Escola Pública do Exército de Peshawar deixou rastros de 
sangue por todos os lados. Nas fotos, é possível ter uma pequena noção do
 sangue frio dos terroristas do Talibã que, em poucos minutos, conseguiram 
matar tanta gente. Vítimas que sobreviveram deram relatos perturbadores,
 como o do estudante Ehsan Elahi, 13 anos, que estava assistindo uma aula 
no auditório principal sobre primeiros socorros quando ouviram os barulhos de
 tiros e explosões vindo pelo corredor.
 


“Nossos professores e instrutores pediram para que ficássemos calmos, mas,
 o barulho se aproximava cada vez mais. De repente, os vidros das janelas e 
das portas foram quebrados pelas balas e, então, os talibãs entraram atirando 
sem parar. As pessoas gritavam e choravam, tentando se esconder. Porém, 
não havia onde se esconder no auditório, apenas embaixo das cadeiras – e
 foi o que eu fiz”, conta o menino.
Ele também disse que ainda está com a imagem dos rostos de dezenas de
 seus amigos mortos espalhados pelo corredor. “Eles atiravam como demônios. 
Vi instrutores caindo no chão primeiro, depois presenciei meus amigos levando
 tiros na cabeça, peito, braços e pernas bem em frente a mim. Partes de seus
 corpos voavam pelo ar, como se fossem pequenos pedaços de algodão. 
Estava por toda parte. O sangue ainda quente de seus corpos molhavam meu rosto, 
meu corpo. Foi horrível”, lembra.



Elahi afirmou que o tiroteio no auditório durou mais de 15 minutos e só
 parou depois de soldados paquistaneses começarem a atirar próximo dali,
 distraindo os terroristas. O aluno do colégio, traumatizado, disse que levou 
dois tiros no braço direito, mas que não derramou lágrimas e nem gritou de
 dor porque isso significaria sua morte.
“Eles não queriam deixar uma só pessoa viva no auditório. Atiravam em qualquer
 pessoa que se movimentava, que chorava ou que gritava de dor. Foi por isso que 
não chorei e a minha vontade era berrar de dor. Ainda fiquei 10 minutos ali, parado, 
até que os soldados viessem nos resgatar”, disse.

Mandatarios instalan la Cumbre presidencial del Mercosur | Noticias | teleSUR

Mandatarios instalan la Cumbre presidencial del Mercosur | Noticias | teleSUR



    Se realizó la instalación oficial de la 47° Cumbre del Mercosur.

    Se realizó la instalación oficial de la 47° Cumbre del Mercosur. | Foto: teleSUR



    El encuentro cuenta con la participación de todos los jefes de Estado de los países miembros.
    Los presidentes de los países que integran el Mercado Común del Sur llegaron este miércoles
     al Centro Cultural y de Convenciones La Vieja Usina de Paraná, en Argentina, para participar 
    en la XLVII Cumbre Presidencial del Mercado Común del Sur (Mercosur).
    Los mandatarios Nicolás Maduro, de Venezuela; José Mujica, de Uruguay; Dilma Rousseff, 
    de Brasil y Horacio Cartes, de Paraguay fueron recibidos por la presidenta de Argentina, 
    Cristina Fernández.
    Antes de ingresar al Centro Cultural y de Convenciones La Vieja Usina de Paraná, los mandatarios
     de Mercosur posaron para la foto oficial del encuentro. 
    La primera en llegar a la cita fue la mandataria de Brasil, Dilma Rousseff. Posteriormente arribó el 
    presidente de Bolivia, Evo Morales.

    China otorga a Fidel Castro premio de la paz | Noticias | teleSUR

    China otorga a Fidel Castro premio de la paz | Noticias | teleSUR



    El líder de la Revolución cubana, Fidel Castro, de 88 años de edad, fue reconocido por sus “esfuerzos para resolver las crisis internacionales”.



    Te Recomendamos
    El Premio Confucio de la Paz fue concedido al líder cubano por su dedicación a la resolución de conflictos internacionales.
    El líder de la Revolución cubana, Fidel Castro, fue galardonado este jueves en China con el “premio de la paz” en reconocimiento a sus esfuerzos por resolver las crisis internacionales.
    El grupo de intelectuales que otorga el premio asegura que cuando Fidel Castro presidió Cuba nunca recurrió a la fuerza para resolver crisis o conflictos, en particular con Estados Unidos.
    Liu Zhiqin, uno de los promotores de este premio, la alternativa china a los Nobel, dijo que Castro se ha dedicado sin pausa a reunirse con dirigentes y organizaciones extranjeras y ha servido a la causa de la eliminación de las armas nucleares.
    teleSUR te invita a ver el especial multimedia: Fidel, la vida que nos revolucionó
    Además del líder cubano, estaban postulados la presidenta surcoreana Park Geun-Hye, el secretario general de la ONU, Ban Ki-moon, o la Organización de cooperación de Shanghai (OCS), un grupo regional asiático.
    En 2011 los investigadores y profesores del jurado escogieron al líder ruso Vladimir Putin por sus “destacables acciones para preservar la paz en el mundo”.
    Lea los más recientes artículos de Fidel Castro: