Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas. Clique na imagem acima.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Malaguti , o professor racista Vai CAIR.


Coletivo Negrada compartilhou o vídeo de Iriny Lopes.
O MALAGUTI VAI CAIR, VAI CAI, VAI CAI!!!!
15.040 visualizações
"Malaguti vai cair, vai cair, vai cair". O protesto de estudantes e integrantes
de vários movimentos sociais contra o racismo na Ufes, hoje à tarde, foi um
 recado muito bem dado aos que julgam que o momento é propício até para
 escancarar o racismo: "racistas não passarão. A juventude negra vai fazer a
 revolução".

Dezenas de pessoas foram até a administração central da Ufes 
protestar contra a prática de racismo cometida pelo professor de economia,
 Manoel Luiz Malaguti. Os cartazes demonstravam a indignação:
 "Exoneração Já", "A Ufes vai ficar preta", "Que a Ufes se pinte de povo", "Cotas sim, racismo não" 
eram apenas alguns. O movimento se concentrou na administração central e depois seguiu para 
o Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE), onde o docente está lotado.
 De lá, os manifestantes seguiram para a frente da universidade e pararam o trânsito durante 
15 minutos. Carros e motos buzinaram em apoio ao ato. No final, uma grande roda se formou
 no estacionamento do Teatro da Ufes, onde foi encerrado o ato.
A universidade informou que foi aberto o procedimento administrativo contra o professor que nesta
 segunda-feira, em sala de aula, afirmou que "detestaria ser atendido por um médico ou advogado negro”. 
Além de processo na Ufes, Malaguti terá de responder a uma ação criminal. Ele foi denunciado 
no Ministério Público Federal pelo desembargador do Tribunal de Justiça do Espírito Santo,
 Willian Silva, que é negro. Para o desembargador, o professor adotou um discurso preconceituoso 
contra negros e merece ser interpelado judicialmente.
‪#‎EquipeIriny‬

Nenhum comentário:

Postar um comentário