Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Conversa sobre Los Cinco Heróis Cubanos presos nos EUA, (Parte-II).

Marlúzio F. Dantas, Nascido para Viver, Vivi... 21 de novembro de 2014, 

Conversa sobre Los Cinco Heróis Cubanos presos nos EUA, (Parte-II).
"A opinião pública internacional precisa saber que é mais seguro 
fazer turismo na Bósnia-Herzegovina do que em Cuba".

Heróis de mais, a Rede Vespa,
Quando Cuba se voltou para o turismo a fim de minorar a crise econômica agravada pelo fim da URSS, esses grupos de gusanos tentaram por em prática o que pregavam em folhetos e entrevistas: "A opinião pública internacional precisa saber que é mais seguro fazer turismo na Bósnia-Herzegovina do que em Cuba".
Em cinco anos, realizaram 127 ataques terroristas que incluíam atentados a bomba nos melhores hotéis (só o hotel Guitar, um confortável quatro estrelas situado a beira mar na praia de cayo coco, foi atacado três vezes por rajadas de metralhadoras .50, vindas que lanchas oriundas de Key West.
Portanto, desde a crise dos balseiros de 1980, quando se tornaram parte integrante das relações EUA e Cuba, montar na Flórida uma organização anticastrista, "humanitária e sem fins lucrativos", como todos se apresentavam, convertera-se num rendoso negócio. Sob o olhar conivente das autoridades movimentava-se fortunas, sem nenhum controle ou fiscalização externa.
Como tudo no capitalismo principalmente no capitalismo dos EUA, que é único desde a sua criação: "Carey é o único economista original dentre os norte-americanos. Pertence a um país em que a sociedade burguesa não se desenvolveu sobre a base do Feudalismo, mas começou a partir de si mesma; Carey, cujo ponto de partida é a emancipação da sociedade burguesa do EUA, termina, entretanto, com o postulado da intervenção do Estado para o desenvolvimento puro das relações burguesas, como de fato ocorreu na América do Norte, não seja perturbada por influências exteriores. Ele é protecionista ao passo que Bastiat é livre cambista (rentista)". Grundrisse, K. Marx.
Para combater esses atos terroristas, Cuba criou a Rede Vespa, um grupo seleto composto por doze homens e duas mulheres que se infiltraram em algumas das 41 organizações anticastristas da Flórida com o objetivo de colher informações, antecipar-se aos ataques e deter os mercenários que, a serviço dos terroristas, tentavam entrar em Cuba. Estes grupos terroristas contavam com o apoio de assessores do poder executivo americano, senadores e deputados, sobre o véu negro de entidades humanitárias.
Colocar sob suspeita as contas, à origem ou destinação do dinheiro dos grupos que lutavam contra o comunismo era heresia que automaticamente transformava o acusador em "agente de Fidel Castro".
Nem mesmo o The New York Times escaparia, quando publicou uma série de entrevistas com o arqui-inimigo da Revolução (cubana) de janeiro 1959Luis Posada Carriles, nas quais este fazia escandalosas revelações sobre as relações das organizações anticastristas com o terrorismo, o jornalista Larry Rohter, então chefe da sucursal NYT de Miami; sentiu de perto o bafo mafioso do anticastrismo. No dia em que saiu publicada a primeira reportagem, seu telefone não parou. "Vozes do além" com sotaque cubano repetiam a mesma ameaça:

"Ei, comunista, tenga cuidado, te estamos mirando!!!".
Na terceira reportagem da série, ele conversava em casa a noite com sua amada esposa quando ouviu um estrondo vindo da rua, era um tiro de escopeta saído de um carro que partia em alta velocidade e o tiro abrira um rombo na porta da casa.
Dois dias depois do tiro, Rohter entrou no estacionamento da sucursal do jornal, encontrou o vidro da porta do motorista entreaberto. Quando deu ré no carro estava sem freios, um breve exame feito comprovou que os freios das quatro rodas tinham sido cortados dom alicate.
Só então percebeu o enigmático significado da caneta partida ao meio que havia sido colocada sobre o banco do passageiro. Assim como a camorra italiana depositava um peixe embrulhado em jornal na porta da casa de uma vítima futura, a máfia cubana avisava que poderia quebrá-lo ao meio caso continua-se as denuncias sobre as atividades terroristas anticastro.

Desde que a Rede Vespa se instalara nos EUA, cuba fora vitima de dezenas de atentados – a grande maioria formada por aviões da Hermanos ou do grupo Democracia, muitas das vezes pilotados por René Gonzáles e Roan Pablo Roque. A mais ousada ação desses grupos anticastristas foi à tentativa de assassinar o presidente Fidel Castro Ruiz em novembro de 1994. A bordo de um iate e apoiado por cinco mercenários, Luiz Posada carriles em pessoa conseguiu introduzir um pequeno arsenal em Cartagena de Índias na Colômbia, quando da celebração da IV Cúpula Ibero-Americana. Alertado pela Rede Vespa, as autoridades cubanas redobram as medidas de segurança entorno de Fidel, frustrando a consumação crime. "Eu estava de pé, atrás dos jornalistas, e cheguei mesmo a ficar pertinho do amigo de Castro, Gabriel Garcia Márquez", confessaria o próprio gusano ao jornal NYT, "mas Fidel eu só consegui ver de longe".
A compartimentação da Rede Vespa era quase absoluta, salvo os casos em que marido e mulher eram agentes, nenhum dos demais conhecia os colegas ou sabia da existência deles e nem tinha conhecimento de que fazia parte da Rede Vespa. O contato de cada um se restringia a seu supervisor e a mais nada. A única exção era René e Roque, que casualmente haviam se conhecido e se tornaram amigos, mas nenhum dos dois sabia que o outro também era agente de inteligência.

A queda da Rede Vespa,

12 de setembro às cinco e meia da manhã, Olga foi despertada pelo barulho seco e ritmo das hélices de helicóptero. Sobre a mira de uma arma René Gonzáles foi preso. Logo depois de serem retirados de suas casas os cubanos foram colocados em celas separadas do Centro de Detenção.
Todos foram alertados pelos interrogadores do FBI para o fato de que nos EUA o crime de espionagem era punido com a pena de prisão perpétua. Metade da Rede de "rasgou" capitulou. Antes que o sol da segunda-feira nascesse todos os outros já tinham traído seus companheiros e feito acordo de delação com a promotoria (e na tortura nem toda a carne se trai).
Somente Los cinco recusaram as ofertas de trair a revolução cubana e negociar com seus algozes, negaram que tivessem espionando os EUA, o que era a pura verdade.
Quando foram julgados culpados pelo tribunal de Miami, foram retirados do tribunal e não retornaram às celas do Centro de Detenção Federal, mas foram levados para o 12º andar, onde fica o Special House Unit, o buraco, foram então conhecer a verdadeira democracia americana e a forma humanitária de como são tratados os presos estrangeiros nos EUA.
Receberam a Black Box que impede qualquer movimento dos braços do preso, infligindo câimbras e dolorosas contrações musculares ao preso. Foi nesse inferno cercado de prédios de luxo, no coração de Miami Dawntows que os cinco passaram os dezessete meses seguintes à prisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário