Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Avós da Praça de Maio: “Eu não queria morrer sem poder abraçá-lo”:

Antes tarde,como lá ,que nunca ,como aqui
http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/37331/nao+queria+morrer+antes+de+abraca-lo+diz+estela+de+carlotto+ao+encontrar+neto+na+argentina.shtml
enviado por Vitor Buaiz

Notícia

Não queria morrer antes de abraçá-lo, diz Estela de Carlotto ao encontrar neto na Argentina


Mais de 400 netos seguem desaparecidos; "outras avós têm que sentir o que eu estou sentindo”, afirmou a presidente das Avós da Praça de Maio
Atualizada às 18h51
“Eu não queria morrer sem poder abraçá-lo”: foi o que afirmou a presidente das Avós da Praça de Maio, Estela de Carlotto, ao encontrar o neto que procurava desde os anos 70. Ele nasceu enquanto a filha dela era mantida no centro clandestino de detenção La Cacha, em La Plata.
Durante entrevista coletiva à imprensa, concedida nesta terça-feira (05/08), Estela ressaltou que outros 400 netos seguem desaparecidos. Os detalhes sobre a identidade de Guido serão preservados, como informou sua avó. “A cadeira que estava vazia agora tem dono. Os porta-retratos vazios terão sua imagem”, comentou.
Telám

Nenhum comentário:

Postar um comentário