Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas. Clique na imagem acima.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

quinta-feira, 3 de julho de 2014

DILMAIS : De Guerreira Pra Guerreira.




Essa é a minha amiga Dilma Rousseff, a mulher que aqui esteve
 comigo ontem, na porta do banheiro, a me dizer tudo sobre o câncer,
 acariciou e viu a minha cicatriz, olhos nos olhos , o olhar mais honesto
 que já vi. A mulher detém o PODER de ser a mais poderosa do planeta 
por merecimento e todos os canalhas tremem ao lado dela. 
Ela é luz, ela é MULHER, ela venceu a luta, e venceu o câncer. 
É um exemplo, é humana . Aqui estava a Dilma que todos temem 
e que o POVO ama. Sem palavras que possam definir , é completamente
 intransmissível decifrar esse momento. Meu e dela, mais nada. 
Não havia ninguém ao nosso redor, só havia eu a ouvi-la e ela a ouvir-me.
 Eu e ela , cansadas dos compromissos , eu sentia dores e ela me contava 
do que ela passou e me dizia de como foi todo o tratamento que ela fez e 
que eu estou fazendo. Dizia que estou apenas no inicio e que eu , assim 
como ela não nascemos com a característica da derrota. Somos mulheres
 e somos mulheres que lutam e que vencem. Aqui , eu estava fraca e ela 
me levantou e eu me fortaleci novamente.

Foto: Essa é a minha amiga Dilma Rousseff, a mulher que aqui esteve comigo ontem, na porta do banheiro, a me dizer tudo sobre o câncer, acariciou e viu a minha cicatriz, olhos nos olhos , o olhar mais honesto que já vi. A mulher detém o PODER de ser a   mais poderosa do planeta por merecimento e todos os canalhas tremem ao lado dela. Ela é luz, ela é MULHER, ela venceu a luta, e venceu o câncer. É um exemplo, é humana . Aqui estava a Dilma que todos temem  e que o POVO ama. Sem palavras que possam definir , é completamente intransmissível decifrar esse momento. Meu e dela, mais nada. Não havia ninguém ao nosso redor, só havia eu  a ouvi-la e ela a ouvir-me. Eu e ela , cansadas dos compromissos , eu sentia dores e ela me contava do que ela passou e me dizia de como foi todo o tratamento que ela fez e que eu estou fazendo. Dizia que estou apenas no inicio e que eu , assim como ela não nascemos com a característica da derrota. Somos mulheres e somos mulheres que lutam e que vencem. Aqui , eu estava fraca e   ela me levantou e eu me fortaleci novamente.

E adorei. a 'grande mídia' chegou se achando. e está se achando em algum lugar pois , sem credenciamento, foram colocados para o lado de fora. rsrs


Nenhum comentário:

Postar um comentário