Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?

Como participar da campanha pela DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA?
LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA KIT COLETA Todo cidadão/cidadã pode buscar voluntariamente as assinaturas para o projeto. Disponibilizamos abaixo um kit com o material necessário para o diálogo nas ruas.

Seguidores

#naovaitergolpe

#naovaitergolpe
Acesse Frente Brasil Popular

domingo, 1 de dezembro de 2013

REVOLUCION BOLIVARIANA 13 años de logros y victorias (o video é de 2012)

Safrany envia uma colaboração de importancia:

dois pontos e uma revolução:


Escreveu Fernando José: “Apenas discordo de você e do Mergulhão, com relação à Venezuela, da ocorrência de uma verdadeira revolução popular no atual momento, ou desde a posse de Hugo Chávez, em 1999. Reitero que  na Venezuela, na minha opinião, vem ocorrendo um processo de conscientização e organização da classe trabalhadora, algo que considero de extrema importância na atual conjuntura mundial. Mas não entendo esse processo ainda como uma revolução em que a classe trabalhadora, através da luta (verdadeira) de classes, vai tomar plenamente o poder e expropriar as propriedades dos meios de produção da burguesia.”
 
Responde Jacob: Creio que suas duvidas sobre a existência ou não de uma verdadeira revolução popular na Venezuela não só são suas – mas de muitos intelectuais e partidos políticos de esquerda da América Latina e mundo. De minha parte não tenho duvidas sobre isso, pois acho que a grande convulsão política, social, econômica e cultural  que lá ocorre é claramente revolucionária, popular, nacionalista, anti-imperialista  e sinalizando claramente para o socialismo. Será impossível entender esse fenômeno revolucionário sem se reportar ao passado desse país desde os  primórdios do século XX, onde ditadores sanguinários se alternavam com pseudo governos democráticos mas no fundo todos sendo defensores de interesses das oligarquias locais e do imperialismo ianque – e tendo a exploração do petróleo como pano de fundo e motivador sobre quem ficaria com o seu botim.  No meio desse jogo infernal, mas seguindo outro tipo de ideologia surgem focos de guerrilhas conduzidas pelo PCV e outras organizações de esquerda todos inspirados na revolução cubana e na luta foquista de Che Guevara.(esses movimentos se estenderam  desde a década cinqüenta até a setenta do século passado) e todos foram derrotados  pelos governos burgueses desse periodo. Seus combatentes sobreviventes se vincularam posteriormente  à revolução bolivariana ou foram para a oposição de direita como foi o caso do agrupamento Bandera Roja e do Sr. Teodoro Petkoff que chegou a ser Ministro de Planejamento do presidente Rafael Caldera (1994-1998) conduzindo planos neoliberais de desenvolvimento desse governo. (pior coisa é ser um comunista arrependido)
 
Esse é o pano de fundo dessa revolução heterodoxa e que está mexendo a nível mundial com a direita, com a esquerda e até mesmo com boa parte dos PCs adeptos de linhas mais  ortodoxas (ou seja adeptos do estilo estalinista de fazer revolução) .
 
A grande linha de ação dos já quase 15 anos de revolução na Venezuela, foi ter tirado o poder das oligarquias e burguesias locais sobre o controle e usufruto da renda petroleira – deixando que isso fosse outorgado aos governos dos presidentes bolivarianos (Chávez/Maduro) sucessivamente eleitos, com aplicação prioritária em investimentos de interesses dos proletários/populares. Com a atual “Ley Habilitante” será criada uma entidade estatal de exportação e importação de bens e serviços que dará o tiro de misericórdia às burguesias parasitárias da Venezuela pois daí em diante elas se subordinação ao interesses da revolução e ficarão dela cativas. A essas só caberão três soluções: ou se adequarão e se subordinarão, ou cairão fora, ou ficarão resistindo e sofrerão as conseqüências de seus atos.
 
Outra linha de ação da revolução foi ampliar a renda petroleira através da descoberta de novos campos petrolíferos (Faixa do Rio Orinoco) que hoje representa a maior reserva mundial de petróleo  e ter diversificado a exportação para outros países além dos Estados Unidos como por exemplo a China/Rússia/Índia – além de fortalecer a revolução cubana enviando grande quantidade de petróleo a esse país com preços camaradas (e Cuba retribuiu enviando 30 mil médicos para fortalecer o sistema de saúde da Venezuela)
 
Poderia ficar aqui citando centenas de ações conduzidas pelo governo revolucionário da Venezuela, mas vou citar apenas três, considerados por mim os mais significativos: a) Fomentou e fortaleceu grandes foros de integração continental como a UNASUL, CELAC, ALBA, PETROCARIBE entre outros e com isso levou os povos e países da América Latina para posições claramente anti-imperialistas, em defesa da soberania nacional e no sentido de criação de políticas publicas que diminuíssem a concentração de renda e por maior justiça social (mesmo respeitando as diferenças ideológicas existente entre os vários países membros);  b) Fomentou internamente um gigantesco processo organizacional popular que conta hoje com 35 mil Conselhos Comunais, 500 Comunas Socialistas e que incorpora quase duas dezenas de milhões de pessoas (Poder Popular) e onde se dá um forte processo de doutrinação em defesa do socialismo; além de construir um forte partido político da revolução o PSUV que conta com atualmente 7 milhões de membros e construindo um processo de integração política entre várias organizações de esquerda do país, o Gran Polo Patriótico (GPP) e que participam nas decisões de governo (constrói-se  com isso um protótipo deGoverno Popular; c) Implantou um grande rede de serviços público e gratuito de saúde, de educação, de habitação e de previdência social todos com abrangência universal – algo típico e exclusivo de governos socialistas.
 
Faço esses informes apenas para alimentar o debate e mostrar que algo de novo ocorre em “NuestrAmérica” e que tal situação será muito importante que seja levada em consideração – já que o que está ocorrendo não é copia de outras revoluções que ocorreram no mundo, incluindo as soviética, chinesa e cubana – mas sim uma criação livre de um povo que cansou de ser dominado e passou a ser dominante. Na Venezuela ocorre um processo sem volta, sem recuos e que só tem um caminho que é avançar e radicalizar....
 
Segue um video que mostra alguns sucessos dessa revolução de caráter heterodoxo.
 
Um abraço
 
Jacob David Blinder
 
 
 
https://www.youtube.com/watch?v=WmQdkGu14UA (Visualização     REVOLUCION BOLIVARIANA 13 años de logros y victorias (o video é de 2012)
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário